Se você gerencia uma conta de Google Ads para uma loja virtual, é bem provável que exista pelo menos uma campanha de shopping ativa. Caso seu cenário seja esse, em algum momento da vida você precisou configurar o Google Merchant Center integrando-o junto a plataforma de e-commerce.

A partir daí, acredito que você já saiba o que é o Google Merchant Center e por isso, não será preciso introduzi-lo. Entretanto, você tem noção da importância dele para as suas campanhas de shopping?

A resposta parece óbvia, afinal, sem Merchant Center, sem shopping. Porém, devido ao aprimoramento da inteligência de máquina do Google Ads nesses últimos anos, o Merchant Center passou a ter uma parcela ainda mais considerável no sucesso ou insucesso das campanhas.

Pense no seguinte cenário

O cliente está procurando no Google por um tênis preto da marca X e por sinal, a sua loja possui esse tênis e ele está na sua campanha de shopping, porém, mesmo informando a marca no título e na descrição do produto, por preguiça ou descuido, o atributo “marca” do seu produto está cadastrado de forma incorreta e não com a marca X, como deveria.

A partir do momento em que o Google iniciar o leilão para definir a posição de exibição dos anúncios, poderão acontecer duas coisas:

1 – Seu produto não será exibido

Isso ocorre pelo simples fato de que o Google não considera seu produto relevante para aquela busca por não possuir a mesma marca procurada pelo cliente.

2 – Você terá um CPC muito mais alto do que deveria

Por ser considerado um produto irrelevante, o Google poderá entender que você está tentando forçar a exibição daquele item e por isso, aumentará drasticamente o valor do lance daquela pesquisa.

Isso se torna ainda mais significativo quando são utilizados lances automatizados nas campanhas de shopping, como por exemplo, o ROAS desejado. Quando o Google passa a gerenciar o valor dos seus lances, é imprescindível que os dados dos seus produtos sejam de altíssima qualidade, caso contrário, CPC’s com valores absurdos e custo por conversão muito acima do ideal se tornarão frequentes na sua conta.

Resumindo

Todos os atributos do seu produto são importantes para o sucesso da sua campanha no Google Shopping. Não se esqueça de cadastrar cor, gênero, marca, faixa-etária, entre outros atributos de forma correta, afinal, a qualidade do seu feed de dados no Google Merchant Center definirá a relevância dos seus produtos para os clientes.


Avatar

Claudio Junior

Formado em Sistemas de Informação e trabalhando com marketing de perfomance há mais de dois anos, adora assistir filmes de super heróis, jogar futebol e acredita que ensinar é a melhor forma de aprendizado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *